Você está aqui: Página Inicial > Menu > Matriz Curricular > optativas > 10 – Literatura infanto-juvenil – 45 horas
conteúdo

10 – Literatura infanto-juvenil – 45 horas

por veridiano publicado 20/06/2017 11h24, última modificação 20/06/2017 11h24

Ementa: Considerações sobre a especificidade da literatura infantil. Relação texto e ilustração. Memória e formas de narrar no passado e no presente. Literatura e performance: gêneros orais e gestualidade. Aproximações entre poesia e infância. O clássico em adaptação e transcriação. Experiência estética e afetividade na infância e na adolescência. Proposições metodológicas para elaboração de material didático.

Referências

AMORIM, Lauro Maia. Tradução e adaptação – encruzilhadas da textualidade em Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carrol, e Kim, de RudyardKipling. São Paulo: UNESP, 2005.

ANTUNES, Benedito; CECCANTINI, João Luís C. T. Os clássicos: entre a sacralização e a banalização. In: PEREIRA, Rony Farto e BENITES, Sonia A. Lopes. À roda de leitura: língua e literatura. Jornal Proleitura. São Paulo: Cultura Acadêmica. Assis: ANEP, 2004.

ARROIO, Leonardo. Literatura Infantil brasileira. São Paulo: Melhoramentos, 1990.

COELHO, Nelly Novaes. Panorama histórico da literatura infantil e juvenil – das origens indo-européias ao Brasil contemporâneo. 4. ed. revista. São Paulo: Ática, 1991.

LAJOLO, Marisa; ZILBERMAN, Regina. Um Brasil para crianças _ para conhecer a literatura infantil brasileira: histórias, autores e textos. São Paulo: Global, 1986.

BRAVO-VILLASANTE, Carmen. História da Literatura Infantil universal. Lisboa: Veja, 1977.

JESUALDO. A literatura infantil. São Paulo: Cultrix, 1993.

OLIVEIRA, Maria Rosa Duarte; PALO, Maria José. Literatura Infantil: Voz de criança. 4. ed. São Paulo: Ática, 2006.

PALO, Maria José. Lasedades de lectura: diálogo texto literário y texto imagen. Buenos Aires/Argentina, 2008.

HUNT, Peter. Crítica, teoria e literatura infantil. São Paulo: Cosac Naify, 2010.