Você está aqui: Página Inicial > Notícias da UFAC > 2018 > Mesa-redonda debate estudo e atuação em musicologia
conteúdo

Notícias

Mesa-redonda debate estudo e atuação em musicologia

publicado: 12/07/2018 16h18, última modificação: 12/07/2018 16h18

Os professores do curso de Música da Universidade Federal do Acre (Ufac), Marcelo Alves Brum e Ana Lúcia Ferreira Fontenele, doutores em Musicologia pela Universidade de São Paulo, promoveram uma mesa-redonda na tarde dessa quarta-feira, 11, no Laboratório de Musicologia e Antropologia em Música.

Intitulada “Perspectivas de Estudos e Atuação do Profissional de Música em Musicologia”, a mesa-redonda teve por objetivo discutir perspectivas de trabalho e desenvolvimento da pesquisa nessa área.

Musicologia é a ciência da música nos segmentos histórico, antropológico, estético, poético e de questões técnico-operativas e filosóficas. O Laboratório de Musicologia e Antropologia em Música da Ufac tem entre suas áreas de atuação: criação e tecnologia da música, educação musical, performance, cognição, voz e instrumento de teclado. Além disso, o espaço desenvolve trabalhos voltados a ensino, pesquisa e extensão. 

O objetivo é transformar o local para que funcione de forma independente e sirva de subsídio para atividades práticas do curso de música e demais cursos que queiram realizar trabalhos em parceria. Marcelo Alves afirma que o laboratório possibilita o trabalho integrado. “Queremos expandir as ações do laboratório com outros cursos, ampliando o núcleo de trabalho para os alunos.”

Para compor o debate, Ana Lúcia apresentou sua tese de doutorado, intitulada “Pixinguinha entre o Velho e o Novo: Os Arranjos para Orquestra Popular (1947-1957)”. A pesquisa aborda a obra do artista e o gênero de música popular e instrumental brasileira, que surgiu no Rio de Janeiro em meados do século 19.

(Andressa Mendes, estagiária Ascom/Ufac)