Extensão

Projeto do Campus Floresta ensina latim para alunos de escola pública

publicado: 31/07/2019 10h05, última modificação: 31/07/2019 10h06
310720192.jpg

O Campus Floresta da Ufac, por meio do Centro de Educação e Letras (CEL),  iniciou o programa de extensão Latim na Escola, na segunda-feira, 15, na escola municipal de ensino fundamental Irmã Diana, no bairro Cruzeirinho, em Cruzeiro do Sul.

A proposta do programa é apresentar a língua e a cultura romana por meio de atividades dinâmicas que possibilitem a reflexão sobre os elementos linguísticos e culturais que colaboraram para a constituição da língua portuguesa.

Segundo a coordenadora do programa de extensão, Simone Cordeiro, o método utilizado para o desenvolvimento das atividades chama-se Minimus, desenvolvido por uma pesquisadora britânica. “Minimus, conhecendo o latim” e “Minimus Secundus, desenvolvendo o latim”, versões brasileiras de Minimus Starting out in latin e Minimus Secunds, moving on in latim.

Por meio do Minimus, os alunos refletem sobre os diferentes campos do conhecimento: história, geografia, ciências, linguagens, artes etc.; assim, tais conhecimentos colaboram com a aprendizagem dos conteúdos apresentados nas demais disciplinas do currículo escolar.

Além disso, o programa permite que os acadêmicos dos cursos de Letras possam atuar em sala de aula, vivenciando os desafios da docência e compartilhando os saberes adquiridos na universidade com a comunidade local. Dois acadêmicos do curso de Licenciatura em Letras Português integram a equipe do programa.

O tempo de duração da ação de extensão será de 30 meses. Atualmente, 29 crianças, com idade entre 8 a 10 anos, são atendidas com o programa; mas, a partir dos resultados obtidos, ele poderá ser estendido para as demais turmas da escola e, posteriormente, para outras escolas do município.