Notícias

Ufac promove palestra sobre coronavírus com infectologista

publicado: 13/03/2020 17h22, última modificação: 15/03/2020 07h35
Corona.jpg

O médico infectologista Thor Dantas esclareceu dúvidas sobre o coronavírus (covid-19) em palestra apresentada à comunidade acadêmica durante reunião do Conselho Universitário (Consu), a pedido da Reitoria da Ufac. O evento ocorreu na manhã desta sexta-feira, 13, na sala do Órgão dos Colegiados Superiores, no Centro de Convenções.

Thor explicou que a doença integra grupos de vírus comuns no dia a dia e que são responsáveis por entre 15% e 30% dos resfriados. Eles não causam sinais, sintomas ou quadros graves. “O problema é que esse tipo de vírus circula também em diversos animais”, contou. Segundo o médico, por três vezes, ao longo da história, o coronavírus passou de outros animais para os seres humanos; e ao fazer isso, eles ganharam algumas mutações, como a covid-19, que produz quadros mais graves de saúde. 

“O coronavírus veio do morcego, passou por um animal intermediário e chegou às pessoas, causando muitos sintomas e potencial para casos graves, principalmente nos grupos de risco, que são idosos e pessoas com doenças crônicas, com problemas cardíacos, renais, pulmonares e hepáticos”, disse Thor.

Ele alertou para o perigo do pânico na população. “O pânico sempre atrapalha nossa capacidade de tomar decisões corretas diante de um desafio, mas não podemos fingir que não está acontecendo nada”, ponderou. “É um vírus que não existia há três meses; e quando nos deparamos com um vírus novo, é preciso estudá-lo, compreender a forma como ele afeta os seres humanos e que tipo de doença causa.”

O médico recomendou que, para evitar contágio, pessoas que apresentam sintomas devem evitar contato com outras pessoas, adotando a chamada “etiqueta respiratória”. E que não repassem ou acreditem em fake news sobre a pandemia e a covid-19. 

Saiba como ocorre a transmissão do coronavírus e os principais cuidados