Notícias

Ufac apresenta programa de interiorização em Xapuri e Brasileia

publicado: 07/05/2021 10h35, última modificação: 07/05/2021 10h35
070520211.jpg

A reitora da Ufac, Guida Aquino, e a pró-reitora de Graduação, Ednaceli Damasceno, apresentaram o Programa de Interiorização da Graduação ao prefeito de Xapuri, Bira Vasconcelos (PT), e ao vice-prefeito de Brasileia, Carlos do Pelado (PSB), nessa quinta-feira, 6, nos gabinetes das prefeituras. E durante a viagem, a equipe da universidade também visitou o recém-reformado núcleo de Xapuri e o campus Fronteira.

O Programa de Interiorização da Graduação é desenvolvido pela Ufac desde a década de 1970. “Tem se constituído em importante investimento no sentido de estender as ações da Ufac aos municípios do interior do Estado, principalmente com a oferta de cursos de licenciatura que se voltam ao atendimento da rede pública de ensino, com formação e qualificação de professores”, disse Guida.

070520212.jpeg

A proposição do atual programa contém as diretrizes gerais que consubstanciam o Plano de Desenvolvimento Institucional da Ufac (2020-2024), particularmente no que se refere à meta de ampliação do acesso ao ensino superior, buscando expandir em 30% os cursos de graduação no interior.

As ações de interiorização da graduação mantidas pela Ufac na última década, com recursos próprios, resultaram na oferta dos cursos de Pedagogia e Ciências Biológicas, em Xapuri, e de Letras/Português, em Feijó.

070520213.jpeg

Através da alocação de recursos oriundos de emenda parlamentar dos então deputados federais Henrique Afonso (PV) e Raimundo Angelim (PT), a Ufac também ofertou os cursos de História e Geografia em Sena Madureira, onde, a partir de 2021, ofertará uma turma de Pedagogia.

No ano de 2020, por iniciativa da deputada Federal Perpétua Almeida (PCdoB), foram disponibilizados recursos de emenda parlamentar na ordem de R$ 3,2 milhões para a oferta de curso de Ciências Biológicas em Feijó e de Pedagogia em Marechal Thaumaturgo.

A Ufac está com edital de processo seletivo, via concurso vestibular, para preencher 50 vagas em cada um desses cursos, destinadas exclusivamente à comunidade. Na programação consta a realização de todas as etapas de seleção no decorrer do primeiro de semestre de 2021, com estimativa de início das atividades na vigência do segundo semestre.

070520214.jpeg

registrado em: