Notícias

Comissão de Acessibilidade vistoria complexo esportivo da Ufac

publicado: 06/11/2019 10h38, última modificação: 06/11/2019 10h38
061120192.jpg

A Ufac realizou visita técnica no complexo esportivo do campus-sede para verificar a necessidade de adaptações para pessoas com deficiência. Integrantes da Comissão de Acessibilidade, o pró-reitor de Administração, Gleyson Oliveira, e a arquiteta Lis Pazinatto fizeram a vistoria na manhã dessa segunda-feira, 4.

“Esse trabalho é de suma importância, porque contempla não só pessoas com deficiência, que necessitam de um espaço melhor, mas também pessoas com uma limitação temporária, como gestantes, idosos, alguém que torce o pé”, disse a vice-presidente da Comissão de Acessibilidade, Stephanie Vidal, que é deficiente visual. 

A comissão está realizando um levantamento de pontos que precisam de melhorias no campus-sede. Mas a primeira etapa do trabalho abrange os espaços esportivos da Ufac, com as quadras, a piscina e a academia. A ideia inicial é de inclusão de pessoas com deficiência na área esportiva, criando um projeto para promover os jogos paralímpicos.

“Há muitos deficientes na Ufac que praticam esporte; porém as competições ocorrem fora da universidade”, lembrou Stephanie. “Nossa intenção hoje é que eles possam competir em jogos promovidos no campus.”

Membro da Comissão de Acessibilidade e atleta de tênis, o cadeirante Frankthieny Brito verificou que alguns pontos das quadras não estão adaptados para cadeirante. “O acesso à entrada da quadra não tem banheiro e falta um vestiário”, alertou. “Esse projeto é muito importante para os acadêmicos com alguma deficiência física ou alguma necessidade especial, que gostam de frequentar o complexo esportivo da Ufac.” 

(Ingrid Guedes, estagiária Ascom/Ufac)